Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SONHOS E FANTASIAS

Se um dia tiver que escolher entre um beijo, um olhar e uma lágrima, escolha a lágrima, pois o beijo pode ser falso, o olhar, passageiro, mas a lágrima, pois mais triste que seja, é verdadeira!!!!!

SONHOS E FANTASIAS

Se um dia tiver que escolher entre um beijo, um olhar e uma lágrima, escolha a lágrima, pois o beijo pode ser falso, o olhar, passageiro, mas a lágrima, pois mais triste que seja, é verdadeira!!!!!

08/06/06

O verbo amar

align=center>height=238 alt=181.jpg src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/181.jpg" width=306 border=0> color=#ffcccc size=5>
color=#3300ff size=2>E eu, fico aqui a pensar...
Quando e como dizer eu te amo.

color=#3300ff size=2>Em versos? Todos os dias?
Em gestos?
color=#3300ff size=2>Sou mulher e como tal,
gosto muito de ouvir esse tal de
"Eu te amo".
color=#3300ff size=2>Mas, em toda minha vida,
não encontrei nenhum homem
que olhando para mim, cotidianamente,
ao dizer bom dia, também me dissesse:
"sabe que eu te amo?"
color=#3300ff size=2>Só por dizer, só para eu saber...
color=#3300ff size=2>Sei lá, os homens sempre
são tão racionais
acreditam que sejam
"durões", "machões"
por não dizerem o que sentem por nós.
color=#3300ff size=2>Parece até uma frase proibida,
fica lá escondida...
só sai quando está encalacrado
e não pode mais suportar o não-dizer.
color=#3300ff size=2>Então diz: "eu te amo",
com voz trêmula de emoção,
com o coração pulando de satisfação
e meio sem jeito,
tentando mostrar o quanto foi difícil
e o quanto era importante
aquele momento.
color=#3300ff size=2>É que nós, mulheres,
como amamos sempre demais,
achamos falta desse carinho
do todo dia...
color=#3300ff size=2>De um sorriso aberto,
coração esperto, atento
e sempre lutando por um pulso a mais.
color=#3300ff size=2>Quando a frase vem, nela contém
mais que o tom da voz,
vem o que sentimos todas nós:
color=#3300ff size=2>Uma incrível e confortável segurança,
de quê, quem a gente ama,
corresponde ao nosso amor,
e nos ama também.

align=center>color=#3300ff size=2>

align=center>color=#3300ff size=2>"Rosy Beltrão"


























06/06/06

A borboleta e a flor

height=322 alt=1.1.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/1.1.JPG" width=454 border=0> height=337 alt=2.2.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/2.2.JPG" width=454 border=0> height=340 alt=3.3.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/3.3.JPG" width=454 border=0> height=340 alt=4.4.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/4.4.JPG" width=454 border=0> height=336 alt=5.5.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/5.5.JPG" width=454 border=0> height=343 alt=6.6.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/6.6.JPG" width=454 border=0> height=331 alt=7.7.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/7.7.JPG" width=454 border=0> height=334 alt=8.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/8.JPG" width=454 border=0>
04/06/06

ERA UMA VEZ ...

naleave.jpg 


ERA UMA VEZ um grande violinista chamado PAGANINI.



Alguns diziam que ele era muito estranho. 


Outros, que era sobrenatural.


As notas mágicas que saíam de seu violino tinham um som diferente, por isso ninguém queria perder a oportunidade de ver seu espectáculo.


Numa certa noite, o palco de um auditório repleto de admiradores estava preparado para recebê-lo.
A orquestra entrou e foi aplaudida.
O maestro foi ovacionado.


Mas quando a figura de PAGANINI surgiu, triunfante, o público delirou.


PAGANINI  coloca seu violino
no ombro e o que se assiste a seguir é indescritível.


Breves e semibreves, fusas e semifusas, colcheias e
semicolcheias parecem ter asas e voar com o toque
daqueles dedos encantados.


DE REPENTE,


um som estranho interrompe o devaneio da plateia.


Uma das cordas do violino de PAGANINI arrebenta.


O maestro parou.


A orquestra parou.


O público parou.


Mas PAGANINI  não parou.


Olhando para sua partitura, ele continua a tirar sons deliciosos de um violino com problemas.


O maestro e a orquestra, empolgados, voltam a tocar.


Mal o público se acalmou quando,


DE REPENTE,
um outro som perturbador derruba a atenção dos assistentes.


Uma outra corda do violino de PAGANINI se rompe.


O maestro parou de novo.


A orquestra parou de novo


PAGANINI não parou.


Como se nada tivesse acontecido, ele esqueceu as dificuldades
e avançou tirando sons do impossível.


O maestro e a orquestra, impressionados voltam a tocar.


Mas o público não poderia imaginar
o que iria acontecer a seguir.


Todas as pessoas, pasmas, gritaram OOHHH!


Que ecoou pela abobadilha daquele auditório.
Uma terceira corda do violino de PAGANINI  se quebra.


O maestro pára.



A orquestra pára. 


A respiração do público pára


Mas PAGANINI não pára.


Como se fosse um contorcionista musical, ele tira todos os sons da única corda que sobrara daquele violino destruído.


Nenhuma nota foi esquecida.


O maestro empolgado se anima.


A orquestra se motiva.


O público parte do silêncio para a euforia,
da inércia para o delírio.


Paganini atinge a glória.
Seu nome corre através do tempo.
Ele não é apenas um violinista genial.


É o símbolo do profissional que continua diante do impossível.


MORAL DA HISTÓRIA


Aprenda a aceitar que a vida sempre lhe deixará
uma última corda.


Quando você estiver desanimada(o), nunca desista.


Ainda existirá a corda da persistência inteligente, do
"tentar mais uma vez ",
do dar um passo a mais com um enfoque novo.


Desperte o PAGANINI que existe dentro de você
e avance para vencer.


Vitória é a arte de você continuar,
onde os outros resolvem parar.


Nunca a vida lhe quebrará todas as cordas.


Se os resultados estão mal, é a sua oportunidade de tocar a última corda, a da imaginação que reinventa o futuro com inovação contínua.


É sempre a corda esquecida que lhe dará o maior resultado.


Mas, se por acaso, você estiver mesma(o) no fundo do poço, esta é a sua oportunidade de tocar na melhor corda do universo:


ACREDITAR EM VOCÊ !!


 

03/06/06

AMOR E LOUCURA

align=center>height=316 alt=6.6.6.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/6.6.6.JPG" width=454 border=0> height=334 alt=5.5.5.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/5.5.5.JPG" width=454 border=0> height=331 alt=4.4.4.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/4.4.4.JPG" width=454 border=0> height=331 alt=3.3.3.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/3.3.3.JPG" width=454 border=0> height=333 alt=2.2.2.JPG src="http://sonhosefantasias.blogs.sapo.pt/arquivo/2.2.2.JPG" width=454 border=0>

Pág. 3/3

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2007
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2006
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2005
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2004
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.