Sábado, 27 de Maio de 2006

O BAÚ...

enchantmentpictop.jpg


 


Hoje sentia-me triste


E sem paciência


Para fazer fosse o que fosse


fui dar volta ao meu baú de músicas


e encontrei entre os meus CDs


um que remonta ao ano de 1984 


chama-se


 A POPULARIDADE DE JULIA GRACIELA


A cantora argentina-brasileira Julia Graciela,


da Argentina radicada em São Paulo.


Aqui vos a letra de duas musicas :


 Anúncio de Jornal.


Eu Sou Aquela


Anúncio de Jornal


“Precisa-se de moça
Boa aparência, pra secretária
Tem que ser muito bonita
Descontraída e educada


Eu era ainda menina
Quando li aquele anúncio no jornal
Usei meu melhor vestido
E nos sonhos coloridos precisava trabalhar
Tudo parecia um sonho
Eu já era secretária de você
Eu estava tão contente
Tudo era diferente para mim


Precisa-se de moça
Boa aparência, pra secretária
Tem que ser muito bonita
Descontraída e educada


Foi numa segunda-feira
Quando você me pediu para ficar
Dizendo que era importante
Terminar aquela carta depois das seis
Foi nessa noite de outubro
Quando perdi a inocência por você
Me entreguei aos seus carinhos
Eu fiz todos seus caprichos por amor


Precisa-se de moça
Boa aparência, pra secretária
Tem que ser muito bonita
Descontraída e educada


Cada dia que passava ,


eu vivia apaixonada


por você


 mas voce mandou entregar-me


um envelope fechado


para pagar os sonhos meus


Precisa-se de moça
Boa aparência, pra secretária
Tem que ser muito bonita
Descontraída e educada


Precisa-se de moça
Boa aparência, pra secretária
Tem que ser muito bonita
Descontraída e educada”


Eu Sou Aquela


Eu sou aquela, Eu sou a outra,


Sou sua amante, Sou o segredo,


Esse pecado mais atrevido


Eu sou tão jovem


Mas eu preciso, Da sua experiência,


Não me interessa, Se sou a outra


O importante, É ter você,  


Não me interessa, Se sou a outra


O importante é ter você  


Eu sou aquela que lhe dá ternura


Eu sou a outra que lhe dá o amor


Eu sou aquela que se entrega inteira


Eu sou a outra que você sonhou


Eu sou aquela que lhe dá ternura


Eu sou a outra que lhe dá o amor


Eu sou aquela que se entrega inteira


Eu sou a outra que você sonhou


Eu sou aquela, Eu sou a outra,


Sou sua amante, Sou o segredo,


Esse pecado mais atrevido


Eu sou tão jovem


Mas eu preciso, Da sua experiência,


Não me interessa, Se sou a outra


O importante, É ter você,  


Não me interessa, Se sou a outra


O importante é ter você  



 

 

publicado por pura às 01:08
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Tanto tempo ...

. POEMA DA SOLIDÃO

. ....

. Como não podia deixar pas...

. As melhores de Zezé di Ca...

. Medo da chuva - Zezé di C...

. Tarde de mais - Zezé di C...

. Agata - Sozinha

. Anjos e a "Vingança"

. Ao Telefone!

.arquivos

. Agosto 2011

. Outubro 2009

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds